Categorias
militar

Militares da Marinha denunciam que o comando, em Manaus, atua com abuso e não acata as licenças médicas

Gostou? Compartilhe!

Este Editorial reproduz a notícia veiculada pela Band News, veja abaixo:

“A BandNews Difusora FM conversou com exclusividade, com um grupo de militares, que denuncia os abusos do comandante do 1º Batalhão de Operações Ribeirinhas, na zona Sul da capital. Ouça o boletim na íntegra:”

Notícia integral da Band News:
http://www.bandnewsdifusora.com.br/2020/02/03/militares-da-marinha-denunciam-que-o-comando-em-manaus-atua-com-abuso-e-nao-acata-as-licencas-medicas/

Este Editorial repudia com veemência as atrocidades cometidas contra os Praças e Graduados das Forças Armadas.
Militar não tem direito a hora extra, FGTS, Anuênio, Quinquênio, dentre outros…
Trabalha por diversas vezes sob condições totalmente adversas, insalubres, perigosas, expediente e escala de serviço concomitante.
Creio já passou da hora de termos uma REPRESENTAÇÃO EFETIVA, até mesmo Sindicato, que as Leis sejam revistas, que as distorções sejam corrigidas, que haja igualdade nos pesos e nas medidas, que haja equidade e justiça nos Direitos e Deveres , tanto na Oficialidade quanto nos Estamentos Inferiores, tal qual somos cognominados.

REPRESENTAÇÃO POLÍTICA JÁ!

PRAÇA VOTA EM PRAÇA!

Comente este Post.

4 respostas em “Militares da Marinha denunciam que o comando, em Manaus, atua com abuso e não acata as licenças médicas”

GRADUADOS QUE ENTRAM PELO SERVIÇO MILITAR OBRIGATÓRIO SÃO PESSOAS NÃO GRATA DENTRO DAS FORÇAS ARMADAS E NÃO MERECEM CORRIGIR SEUS SALÁRIOS QUE ESTÃO DEVASADOS FOI ISSO QUE O MD DISSE AO CRIAR A PL1645 QUE VIROU LEI 13.954.

Na aba Jurídico, este Editorial tem como parceiros e colaboradores vários Advogados que poderão prestar-lhe a assessoria e apoio jurídico. Obrigado pela participação e desejamos êxito em vosso pleito.

Esses devem ser da geração Nutella. Militar é militar acima de tudo,não um bando de bundões. Militar é superior a tudo. Parem de mimimi. Não querem seguir a disciplina exigida, saiam ou simplesmente não entrem para querer ficar na mordomia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *